25.8 C
Santo Antônio de Jesus
sexta-feira, 17 setembro, 2021

Senado da Rússia aprova lei para excluir opositores de eleições

spot_img
spot_img

O Senado da Rússia aprovou nesta quarta-feira (2) uma lei que, na prática, proíbe que aliados de Alexei Navalny, o principal opositor de Vladimir Putin, possam disputar as eleições.

O texto do projeto determina que líderes, apoiadores e membros de entidades extremistas estão proibidos de participar de eleições —a Justiça provavelmente vai classificar as organizações de Navalny como extremistas.

A lei foi aprovada por 146 senadores, recebeu um voto contra e uma abstenção. Agora falta apenas a assinatura do presidente Vladimir Putin para que a regra entre em vigor.

Críticas da oposição

Os críticos do governo russo afirmam que as autoridades do país estão ampliando a repressão da oposição antes das eleições parlamentares de setembro.

A nova lei afeta não apenas os líderes das organizações, como ativistas e dezenas de milhares de pessoas que fazem doações.

Os líderes das organizações regionais de Navalny não poderão disputar as eleições parlamentares durante cinco anos.

G1

Foto: (AP Photo/Dmitri Lovetsky)

spot_img
spot_img

Leia Também

spot_img

Leia Mais

spot_img

Deixe uma resposta